Como fazer uma mulher atingir o orgasmo

vamos mostrar que o orgasmo feminino não precisa ser assim cheio de segredos
BLOG OMENS / Sexualidade
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

6 de outubro 2021

O orgasmo feminino alimenta diversos mistérios e fantasias. Ainda há muita coisa que não sabemos sobre essa experiência prazerosa.

De fato, trata-se normalmente de uma experiência mais complexa do que a do orgasmo masculino, tanto que uma mulher pode gozar de várias formas e várias vezes durante a mesma relação sexual.

Por isso, não existe uma receita milagrosa para fazer uma mulher chegar lá… Mas podemos determinar alguns fatores importantes para o orgasmo feminino… Vamos lá:

Orgasmo feminino: estimule todas as regiões do corpo!

Não esqueçam que, em primeiro lugar, é o cérebro que processa as informações associadas ao prazer. Então, não subestimem os estímulos visuais (a própria nudez é geralmente fonte de excitação), auditivos (a voz do parceiro pode ser fonte de prazer) e olfativos (o olfato exerce um papel importante na atração sexual).

Aliás, o orgasmo feminino pode vir de várias formas: pelo clitóris, ânus, vagina, pelo psicológico ou até por várias regiões ao mesmo tempo… Enfim, muitas zonas erógenas estão presentes no orgasmo feminino e nem todas elas são físicas!

Falar somente em “orgasmo vaginal” está ultrapassado. Hoje em dia, sabemos que o orgasmo feminino é mais complexo e, ao mesmo tempo, está mais associado ao clitóris.

Por exemplo, muitos dos orgasmos que parecem provocados pela estimulação vaginal são na verdade o resultado de estímulos ao clitóris (cujas terminações nervosas se espalham pela vagina) durante a penetração.

Dessa forma, até poderíamos dizer que há dois tipos de orgasmos clitorianos, um por estimulação externa e um interna.

Por fim, você deve se lembrar de que existe uma forte ligação entre os estímulos físicos e os estímulos psicológicos.

Podcast: Desmistificando o orgasmo [Omenscast #26]

No nosso 26º episódio do Omenscast, o médico urologista João Brunhara vai falar um pouco sobre o ápice do prazer sexual: o orgasmo. Fique à vontade para ouvir o nosso podcast: a transcrição do áudio você poderá encontrar aqui.

A penetração não é obrigatória para o orgasmo feminino

Disso já sabemos há muito tempo, mas é importante enfatizar: a penetração nem sempre é necessariamente prazerosa, nem sempre é indispensável para levar uma mulher ao orgasmo.

Tudo vai depender dos desejos, das expectativas e da anatomia da sua parceira, bem como da maneira que vocês preferem transar…

 Além disso, tenha em mente que o homem quase sempre atinge o orgasmo durante o sexo – o que não é o caso da mulher. Portanto, pense no prazer dela!

Aliás, vale lembrar que o tamanho do pênis também não é um fator predominante para o orgasmo feminino. Na realidade, não há ligação comprovada entre o prazer da mulher e o comprimento do órgão sexual masculino.

Como ter uma vida sexual plena com um pênis pequeno? [Vídeo]

O tamanho do pênis sempre é questionamento dos homens. Mas como lidar com um pinto abaixo da média? Aliás, você sabe mesmo se tem um pênis pequeno? Como medi-lo para ter certeza? E, se for, tem como aumentar o tamanho do pênis? Quais as melhores posições sexuais para dar prazer com ele? Entenda tudo isso e mais um pouco para saber como ter uma vida sexual feliz.

Para fazer uma mulher gozar, comece a ouvir o que ela deseja

O diálogo é importante, não só durante a relação sexual como em outros momentos. Preste atenção no que a sua parceira deseja, no que a excita, no que ela não gosta… Você deve aprender a satisfazê-la.

Durante o sexo, esteja atento às reações dela e não deixem de conversar.

Mais uma vez, o fator psicológico é muito importante para o orgasmo feminino (assim como para o masculino!).

Seja mais delicado se ela pedir cuidado, vá com mais força se ela pedir por intensidade!

Você vai passar a adivinhar o que ela deseja apenas observando e escutando.

Nessa hora, os dois são importantes!

Não é só o homem (em uma relação heterossexual) que obrigatoriamente tem tudo nas mãos para fazer sua parceira chegar lá. O papel da mulher também é muito importante.

Ela deve saber dizer o que gosta ou não gosta, deve conhecer seu próprio corpo, privilegiar certas posições… A mulher também deve se adaptar fisicamente com o intuito de atingir o orgasmo.

Vale lembrar que muitas mulheres, devido à repressão que sofreram e sofrem, não descobrem seu corpo e não se permitem conhecer seus desejos, gostos e acabam, dessa forma, não explorando plenamente a própria sexualidade. Isso acaba, então, impedindo que ela chegue ao orgasmo e tenha uma vida sexual feliz. Por isso, o parceiro deve estimular a liberdade da parceira, incentivar que ela se descubra e compartilhe com ele seus desejos. Principalmente, também, é necessário estar aberto a ouvir e compreender os gostos dela, as novidades, etc.

— Dr. João Brunhara, médico urologista

É preciso ser capaz de se entregar ao outro para chegar ao orgasmo. Por isso, é necessário estar em boas condições, evitar o estresse ou a ansiedade e não se concentrar só no orgasmo em si (fazendo isso, corremos o risco de atrasar ou até impossibilitar a chegada dele). Portanto, seja compreensível com a sua parceira!

Em primeiro lugar, você pode sentir muito prazer sem um orgasmo; em segundo lugar, pensar demais em atingir o clímax pode tornar as coisas menos prazerosas. De modo geral, a mulher deve pensar também nos seus próprios desejos!

Desperte novos desejos, cultive novas práticas no relacionamento

Conforme você já entendeu, o fator psicológico é importante tanto no orgasmo feminino como no masculino. Então, mantenha o desejo vivo em seu relacionamento!

Você pode incluir novas práticas sexuais, mas não precisa se limitar a isso. Da mesma forma, você pode também mudar seus hábitos do dia a dia para surpreender a sua parceira.

Às vezes, pequenos gestos e cuidados são suficientes para despertar o desejo em sua parceira. E o desejo sexual não surge apenas no momento do sexo: atitudes e ações cotidianas podem ser importantes para a libido.

Sua parceira deve desejar você como no primeiro dia do relacionamento. Você pode mostrar a ela que continua sendo capaz de surpreendê-la.

Não deixe que a monotonia ou o tédio domine as fantasias sexuais de vocês. Além disso, tenha em mente que, quanto mais admiração uma mulher tiver por você, maior é a probabilidade de ela aproveitar o sexo com prazer.

O atendimento online e personalizado de um urologista pode te ajudar!

Consultas a distância (por celular, chat online ou vídeo) com médicos especialistas em saúde sexual masculina: a partir de R$ 69.

Prescrição médica e entrega a domicílio de medicamentos e tratamentos manipulados.

Agendar Teleconsulta

e receber orientação médica!

A importância das posições para o prazer e o orgasmo feminino

Nem todas as mulheres gostam das mesmas coisas ou das mesmas posições. Portanto, não coloque todas as suas fichas em uma só posição para fazer uma mulher gozar.

Dependendo de cada mulher, algumas posições terão mais sucesso que outras. Portanto, mais uma vez: observar e ouvir ajudará você a identificar as posições que sua parceira prefere.

Então, na hora H, não deixe de fazer esta ou aquela posição que ela gosta! Mesmo porque isto também pode tornar a relação mais prazerosa para algumas mulheres: saber que o seu parceiro a escuta e quer satisfazê-la.

Conclusão: mais dicas de como chegar ao orgasmo feminino

No fim das contas, é isto: enquanto algumas mulheres preferem delicadeza, outras gostam de mais intensidade. Por isso, é preciso ser capaz de se adaptar a cada parceira, sem deixar de lado o próprio prazer.

Se quiser se aprofundar e se aventurar no assunto do orgasmo feminino, você pode consultar também outros artigos, por exemplo:

Consulte um médico especializado em sexualidade na Omens

A Omens é uma plataforma de saúde dedicada ao homem. Ela reúne médicos urologistas e farmacêuticos com o objetivo de construir soluções seguras, de qualidade e acessíveis a todos.

A plataforma permite que você consulte online médicos especialistas em temas sobre sexualidade. A consulta online pode ser feita por mensagens, pelo celular ou por videochamada, além de apresentar muitas outras vantagens:

  • Consulte um médico especializado na área, que trata diariamente de problemas relacionados ao sexo
  • Pague menos da metade do valor de uma consulta presencial com um urologista
  • Agende uma consulta para o dia seguinte! (no Brasil, muitos pacientes têm de esperar vários meses até conseguir agendar uma consulta presencial sobre problemas sexuais com um urologista)
  • Peça pela plataforma os medicamentos necessários para o seu tratamento e eles serão entregues discretamente na sua casa por uma farmácia certificada
  • Evite o desconforto ou a vergonha na sala de espera de um consultório ou em farmácias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *