Seu parceiro ou sua relação está com algum problema?

Não sabe o que fazer ou quer ajudá-lo?

Terapias e consultas discretas com psicólogos especializados em sexualidade para problemas do/com seu parceiro como:

Visuel d'une conversation par message entre un médecin et un patient
Visuel d'une conversation par message entre un médecin et un patient
" Sabemos que muitas pessoas sofrem com problemas ou comportamentos sexuais do seu parceiro. Criamos um espaço para que essas pessoas possam abordar esses temas com profissionais treinados e ajudar a resolver as questões do parceiro e do casal. "

Psicóloga Michelle Sampaio

Diretora de Psicologia Sexual da Omens

Nossos psicólogos e terapeutas especializados

Psicóloga Catharina Crispim
Psicóloga
Catharina Crispim
Graduada pela PUC-Campinas / Formação Avançada em Intervenção Comportamental com Indivíduos Diagnosticados com TEA / Instituto de Terapia por Contingências de Reforçamento (ITCR-Campinas) / Curso em atendimento psicológico online, CICLO CEAP.
Psicóloga Flávia Glina
Psicóloga
Flávia Glina
Graduada pela PUC / Especialista em Sexualidade Humana pela Faculdade de Medicina da USP / Doutoranda em Sexualidade Humana na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto.
Psicólogo José Antonio da Cruz
Psicólogo
José Antonio da Cruz
Especialista em Psicologia Clínica pelo Conselho Regional de Psicologia (CRP) / Pós-graduação em Psicodrama, Terapia Familiar Sistêmica, EMDR E ADI/TIP / Especialista em terapia para disfunções sexuais masculinas e femininas.

Como funciona?

  1. Responda algumas perguntas
  2. Preencha o formulário sobre o problema de seu parceiro ou da sua relação. Ele só pode ser visualizado pelo terapeuta.

  3. A consulta é online
  4. A partir de R$89, a primeira consulta com o terapeuta é feita online, por telefone ou vídeo, e tem duração de 30 minutos.

Terapia com especialista OmensOmensVisita física ao terapeutaPresencial
Economia de tempo na procura por um terapeuta
Sem salas de espera
Economia do tempo de ir até o consultório
Experiência 100% digital

Disfunções Sexuais

Seu parceiro passou por algum tipo de disfunção sexual? Quase todo homem, em algum momento de sua vida, passará por isso: pode ser de ereção (disfunção erétil), ejaculação (precoce ou retrógrada), ou mesmo a falta de desejo, além de outros tipos.

Em muitos destes casos, a causa pode ser psicológica, e uma consulta com um psicólogo pode ajudar a superar o problema.

Se você percebeu que seu parceiro está passando por um destes problemas e quer ajudá-lo, ou não sabe lidar com a situação, você pode marcar uma consulta com um psicólogo no botão abaixo.

Principais disfunções sexuais:

  • Disfunção erétil: dificuldade de manter ou ausência total de ereção
  • Ejaculação precoce: a ejaculação ocorre antes do que gostaria, no início ou antes da penetração
  • Outras: incluem ejaculação retardada, desejo sexual excessivo, aversão sexual, entre outros

Baixa libido

Sentiu que seu parceiro está com pouco desejo sexual recentemente? O termo libido geralmente quer dizer “desejo sexual” e envolve diversos aspectos da sexualidade.

É difícil estabelecer uma “libido normal”, pois não é obrigatório que todos tenham um mesmo “nível” de desejo. É normal que, em um casal, por vezes, um tenha mais desejo que o outro.

Mas ainda sim, é possível de se perceber quando há uma falta ou desejo reduzido. E, embora haja casos em que as causas podem ser físicas, em geral são psicológicas, como estresse, ansiedade e outras.

Causas da falta de libido:

  • Distúrbios de ansiedade
  • Depressão
  • Estresse
  • Uso de remédios e antidepressivos
  • Causas físicas (abuso de álcool e outras drogas, deficiências hormonais entre outras)

Lidar com traição

Soube que seu parceiro te traiu? A traição é um ato de infidelidade, quebrando a confiança dentro de um relacionamento, em geral por ficar, beijar, flertar ou transar com outra pessoa que não faz parte da relação.

É claro que existem casos e casos, e você pode diferenciar esse tipo de acontecimento quando se está numa relação monogâmica ou não.

Mas para alguns especialistas, existem casos em que a traição pode pode ser considerada patológica. Isto se dá nas situações de quadros compulsivos, em geral de compulsão por sexo. Se este é o caso, vale a pena uma visita a um terapeuta sexual.

    Vício em Pornografia e/ou em Masturbação

    Seu parceiro assiste pornografia ou se masturba com muita frequência? Estes tipos de vício estão geralmente relacionados a situações em que o homem não consegue ficar sem os atos. Em geral, masturbaçãoo e o pornô são utilizados como formas de aliviar um estresse, ansiedade ou até raiva.

    A pornografia e o excesso de masturbação podem ter efeitos negativos na sexualidade e consequentemente na relação. Pode levar a uma idealização de fatos, corpos e comportamentos que não são ideais nem reais, sendo possível levar o homem a comportamentos agressivos, à perda de desejo por relações reais, e até mesmo a problemas de ejaculação.

    O processo para se libertar do vício em pornografia e em masturbação é longo e pode haver recaídas. Por isso, o melhor caminho é traçar uma estratégia a longo prazo, junto a um profissional especializado, para superá-lo.

    Alguns problemas que podem resultar destes vícios:

    • Falta de desejo por relações reais
    • Reflexo de comportamentos agressivos
    • Problemas de ejaculação e ereção
    • Problemas emocionais (depressão, culpa, vergonha)
    • Problemas de auto-estima
    • Isolamento social e baixa produtividade

    Egoísmo

    Você acha que seu parceiro se importa muito mais consigo mesmo do que com ambos na sua relação?

    Há alguns casos em que o egoísmo acaba se tornando mais presente do que se espera. Em alguns destes casos, ocorre nas relações. O seu parceiro por vezes pode acabar deixando de lado o seu prazer. Mas uma relação só é completa quando ambos se importam. A terapia sexual pode ajudar a trilhar este caminho.

    Às vezes, pode se dar no dia a dia, caso o parceiro queira que seja sempre você que ceda às situações. Em ambos estes casos, e em outros possíveis, a terapia sexual ou de casal pode ser um bom caminho para equilibrar e melhorar a situação da relação.

    Pressão na relação

    Seu parceiro te pressiona a algo? A pressão em um relacionamento nunca é agradável, para ambos os lados.

    Um dos casos mais comuns é a pressão pela penetração anal, ou seja, pelo sexo anal. A prática do sexo anal requer uma preparação e se sentir pronto para a realização, e a pressão só torna o processo pior. Se seu parceiro te pressiona para aderir à prática, uma terapia sexual ou de casal pode ajudar a entender e melhorar a situação.

    Mas em outros casos, a pressão pode se tornar um comportamento sexual agressivo por parte do parceiro. Se este for o caso, a terapia pode ajudar a entender as motivações e maneiras de contornar e também melhorar a situação.

    Swing

    Seu parceiro ou você tem desejos relacionados a pessoas de fora da relação? O swing pode ser definido basicamente como uma prática na qual um casal mantém relações sexuais com outros casais ou pessoas.

    Os principais motivos para se envolver com o swing são uma variedade de experiências e parceiros, uma busca por prazer e excitação, e conhecer pessoas novas, além da possibilidade de fetiches como voyeurismo, exibicionismo, menage, e mais.

    Ciúmes e ameaça da relação estão entre as principais razões pra não aderir. Mas swing não é só “troca de casais”. Há muito mais a ver com regras e controle. Assim, se você ou seu parceiro tem interesse, a terapia sexual pode ajudar nos próximos passos.

    Cuckolding

    Outra prática relacionada a este tipo de desejo é o Cuckolding. Este é o nome que se dá à prática do cuckold, um fetiche no qual a pessoa sente prazer em ver seu parceiro ou parceira transando com outras pessoas.

    Para a mulher, existe o termo cuckqueen, que nada mais é do que a mulher que sente prazer em ver seu parceiro ou parceira transando com outras pessoas. Outro termo, mas mesma prática.

    A terapia sexual pode ser importante para saber como continuar caso seu parceiro possua este fetiche, ou então, ajudá-lo a compreender o fetiche, e buscar enteder como realizá-lo - ou não - e ambos possam sair satisfeitos.


    Outros Problemas

    Há outros tipos de problemas ou situações que você pode estar passando com seu parceiro e que podem afetar a relação, seja afetando-a diretamente, ou afetando a auto-estima do parceiro.

    Se seu parceiro ou sua relação com ele tem passado por algum dos problemas ou situações citados ao lado, a terapia sexual pode ser uma boa opção.

    • Falta de criatividade e/ou relação monótona;
    • Baixa auto-estima por tamanho ou forma do pênis;
    • Deficiência de testosterona;
    • BDSM e/ou sadomasoquismo;
    • Incontinência urinária durante a relação;
    • Outro fetiche ou preferência não convencional;
    • Abertura da relação e/ou não monogamia.

    Quem já fez consulta online na Omens

    Na Omens conectamos nossos pacientes todos os dias com psicólogos especializados em sexologia a fim de determinar o caminho e tratamento mais apropriados para sua situação, com total discrição.

    Perguntas Frequetes

    Sobre a Omens

    Omens, o que é isto?

    A Omens é uma plataforma digital que ajuda homens adultos a tomarem o controle de seus problemas sexuais. Somos uma ferramenta para consultas e tratamentos: colocamos o paciente em contato com urologistas ou terapeutas especializados em sexologia e depois possibilitamos a compra de tratamentos, sejam eles remédios, cursos ou terapias.

    Teleconsulta com nossos psicólogos parceiros

    Privacidade e Segurança

    shark tank logo

    Omens no Shark Tank.
    Essa sexta, as 22:30 na Sony Channel