A masturbação estimula a ejaculação precoce?

mão segurando uma pêra simulando a masturbação
BLOG OMENS / Ejaculação precoce
logo da Omens
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

15 de abril 2022

Não, a prática comum da masturbação não causa nem estimula a ejaculação precoce. Ela pode até mesmo ajudar o homem a controlar melhor a sua excitação.

Por outro lado, quando a masturbação se torna excessiva e o homem sempre ejacula muito rápido, ele acaba desenvolvendo um reflexo ejaculatório que pode, mais tarde, se transformar em uma ejaculação precoce.

É como se você, nesse caso, ensinasse ao seu corpo através da masturbação a atingir o orgasmo o mais rápido possível. Então, ao repetir esse gesto várias vezes, o corpo registra esse reflexo e a ejaculação precoce se torna o “padrão”, a norma do organismo.

Vamos apresentar a você algumas dicas sobre como conhecer melhor o seu corpo e controlar a ejaculação através da masturbação.

Masturbação e ejaculação precoce: como se conhecer melhor e compreender a dinâmica do corpo

Identifique as áreas sensíveis do pênis

Durante um momento de excitação ou quando o homem está se masturbando, ele pode aprender a reconhecer as áreas sensíveis do seu pênis. Afinal, conhecer bem o próprio pênis é um passo importante para controlar melhor a excitação.

Durante a masturbação, ele pode, por exemplo, passar os dedos sobre as áreas mais ou menos sensíveis da região: a base, os lados e especialmente a glande (na coroa da glande, no freio, etc.).

A ideia é conhecer cada uma das áreas sensíveis da pele e da mucosa do pênis.

Masturbação: quando o prazer vira compulsão? [Omenscast #33]

No nosso 33º episódio do Omenscast, o médico urologista João Brunhara vai falar sobre o consumo de pornô e a prática da masturbação. Qual o limite entre o saudável e a compulsão? A transcrição do áudio você poderá encontrar aqui.

Localize o “ponto sem retorno” e a “zona vermelha”

Da mesma forma, é possível praticar esse exercício durante a masturbação. A ideia deste, no entanto, é identificar o instante em que a excitação é tão forte que a ejaculação irá acontecer definitivamente, mesmo que toda a estimulação fosse interrompida.

A zona vermelha é, portanto, quando qualquer excitação a mais irá provocar a ejaculação, é o período que justamente antecede esse ponto sem retorno.

A masturbação permite identificar esses diferentes momentos e, a longo prazo, controlar melhor a excitação e a chegada do orgasmo.

O homem pode, assim, se masturbar e se exercitar, identificando esses diferentes graus de excitação. Quando a ejaculação estiver prestes a ocorrer, pare um pouco e deixe a excitação diminuir. Você pode repetir esse exercício por uns 20 minutos.

Aprenda a identificar os diferentes mecanismos do corpo durante a masturbação

Além de identificar esses diferentes graus de excitação associados à ejaculação, também é importante compreender a dinâmica geral do corpo.

Visto que a ejaculação é um reflexo, ela responde a fatores físicos: respiração, frequência cardíaca, contração dos músculos do períneo…

A masturbação, então, permite conhecer esses diferentes indicadores: basta ouvir o corpo e observar a própria excitação.

Além disso, para controlar melhor os músculos do períneo, existem diferentes exercícios, chamados de Kegel. Aliás, alguns deles são possíveis de conciliar com a masturbação.

Conclusão: quando a masturbação “causa” ejaculação precoce?

Na verdade, até hoje ainda não conhecemos realmente as causas exatas da ejaculação precoce.

Por outro lado, a prática excessiva da masturbação é uma das várias causas possíveis. Por isso, é bastante importante fazer o seu corpo aprender a não alcançar o orgasmo muito rapidamente, para não correr o risco desse reflexo se transformar em algo quase sistemático durante qualquer estimulação sexual.

Com os diferentes pontos que levantamos no texto e aqui no blog da Omens, o homem tem diversos recursos em mãos para conseguir controlar melhor sua excitação através da masturbação.

Por fim, fique atento: se você sofre de ejaculação precoce há mais de 3 meses, recomendamos que você procure a opinião de um médico especializado no assunto. É aconselhável procurar o auxílio de um urologista, sobretudo caso você não consiga resolver o problema sozinho.

Ou, se você acha que o problema pode ter causas mais psicológicas, um terapeuta sexual pode te ajudar: e há consultas online disponíveis na plataforma da Omens.

Afinal, para alguns, os exercícios que apresentamos podem não ser suficientes para solucionar a dificuldade.


Referências

Consulte online um médico ou psicólogo especializado em sexualidade

A Omens é uma plataforma de saúde dedicada à saúde sexual e mental, que reúne médicos urologistas, terapeutas sexuais e farmacêuticos com o objetivo de construir soluções seguras, de qualidade e acessíveis a todos.

Por isso, a plataforma permite que você consulte online médicos especialistas em temas sobre sexualidade, além de psicólogos sexólogos. As consultas online podem ser feitas por mensagens, pelo celular ou por videochamada, por exemplo, além de apresentar muitas outras vantagens:

  • Consulte um médico ou psicólogo especializado na área, que trata diariamente de problemas relacionados ao sexo.
  • Pague menos da metade do valor de uma consulta presencial com um urologista.
  • Agende uma consulta para o mesmo dia! (no Brasil, aliás, muitos pacientes têm de esperar vários meses até conseguir agendar uma consulta presencial com um urologista)
  • Peça pela plataforma os medicamentos necessários para o seu tratamento e, então, eles serão entregues discretamente na sua casa por uma farmácia certificada
  • Além disso, evite o desconforto ou a vergonha na sala de espera de um consultório ou em farmácias

2 comentário(s) sobre “A masturbação estimula a ejaculação precoce?

  1. Rodrigues santos says:

    Tenho 15 anos,e tenho medo de ser precoce no futuro,oq devo fazer pra prevenir isso!?
    Ajuda por favor…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *