3 dicas de como fazer uma mulher atingir o orgasmo SEM PENETRAÇÃO

Dois dedos tocam as pétalas de uma flor rosa, simulando uma estimulação no clitóris e o orgasmo sem penetração
BLOG OMENS / Sexualidade
logo da Omens
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

26 de março 2022

Ao contrário do que muitos pensam, a penetração vaginal não é a maneira mais fácil de fazer uma mulher gozar. Inclusive, como apontado pela pesquisa de 2018 da Prazerela, 60% das mulheres sentem mais prazer (e eventualmente atingem o orgasmo) sem a penetração. Enquanto 95% dos homens atingem o orgasmo dessa forma, as mulheres muitas vezes preferem outros tipos de estímulos.

Mesmo, então, que a penetração continue sendo um elemento central e importante na sexualidade masculina, a Omens vai dar a você 3 dicas para que sua parceira sinta prazer e chegue lá de formas diferentes.

Para os mais curiosos, revelaremos também uma quarta dica no final do artigo!

1. Sexo oral e orgasmo sem penetração

Como fazer uma mulher atingir o orgasmo sem penetração?

Se bem feito, praticamente todas as mulheres gostam de sexo oral! E o mais importante: isso pode fazer a sua parceira gozar muito facilmente. Por quê?

Bem, porque o clitóris é uma região particularmente sensível – a área mais sensível do corpo feminino. Ele tem cerca de 8.000 terminações nervosas; fazendo uma comparação, a glande peniana tem “apenas” 4.000 terminações nervosas, por exemplo.

Nós dissemos que é fácil, né? Nem tanto, claro, porque tem que fazer direito! Por isso, existem algumas técnicas:

Podcast: Desmistificando o orgasmo [Omenscast #26]

No nosso 26º episódio do Omenscast, o médico urologista João Brunhara vai falar um pouco sobre o ápice do prazer sexual: o orgasmo. Fique à vontade para ouvir o nosso podcast: a transcrição do áudio você poderá encontrar aqui.

Encontre a região que mais a excita!

O primeiro elemento importante é encontrar o ponto, a região, que especificamente mais excita a sua parceira; ela geralmente vai te informar: com movimentos do corpo, palavras, gemidos, etc.!

Não é uma questão de sair explorando desesperadamente toda a vulva da sua parceira; no início, seja gentil a fim de encontrar a área que a deixa mais excitada. Quando houver encontrado esse lugar, continue lá! É assim que você vai levá-la ao orgasmo.

E, acima de tudo, não se esqueça de usar suas mãos: acaricie seus quadris, nádegas, seios… Enfim, toque todo o corpo dela, para deixá-la ainda mais animada!

2. Encontrando o clitóris

Não há dúvidas de que, para quase todas as mulheres, o ponto mais importante do corpo delas durante o sexo é o clitóris.

Não deixe de conversar com a sua parceira e peça a ela (sem rodeios) para orientar você até o clitóris.

Anatomia da vulva: prepúcios do clitóris, glande do clitóris, lábios menores e entrada da vagina
Anatomia básica da vulva – com ênfase no clitóris!

Quando estiver por lá, com a língua, boca ou com as mãos, preste atenção nas reações dela e entenda se ela gosta mais de movimentos verticais ou circulares, por exemplo, mais rápidos ou mais devagar, mais ou menos intensos, etc.

Aliás, mais uma dica: vale lembrar que mesmo quem gosta de estímulos mais rápidos normalmente precisa começar mais devagar no início do oral ou da masturbação.

3. Procurando o ponto G

Com os movimentos da sua língua no clitóris, a estimulação da vagina com os dedos se torna insuperável!

Você pode inserir um dedo dentro da vagina para chegar à famosa região do ponto G.

Na verdade, o ponto G não está muito longe da entrada da vagina. Com o dedo indicador no interior dela, mova-o delicadamente para cima: você vai sentir uma área um pouco rugosa a 3 ou 4 cm da entrada do canal.

Esse é o ponto G!

Depois de ter localizado o ponto G, a ideia é fazer círculos nessa região ou estimular o ponto com movimentos de ida e volta. De qualquer forma, sua parceira pode dizer a você que ela está gostando ou não e você pode adaptar os seus gestos!

Em função de como o corpo dela responde, você também pode ir e vir com o dedo, como se estivesse penetrando com o pênis, mas sempre prestando atenção nessa região.

O número de dedos (um, dois, três…) irá depender da sua parceira. Não precisa perguntar a ela na hora, mas tente sentir o que ela gosta ou deseja, prestando atenção em suas reações.

Do mesmo modo, posteriormente, não tenha medo de dialogar e perguntar se ela gosta mais de um jeito ou de outro (lembre-se que as conversas nesse assunto tendem a ser mais produtivas quando acontecem em um outro momento que não o da relação sexual!).

Para acessar o ponto G, um único dedo é suficiente, mas ela também pode achar prazeroso com vários dedos, alternando entre pressionar a área, realizar movimentos de rotação e de “penetração”.

O importante é continuar estimulando a região: quanto mais a sua parceira se familiarizar com os estímulos, mais prazer ela vai sentir.

Sobre as preliminares: por que elas são úteis? [Vídeo]

Muito se fala sobre as preliminares na hora do sexo. São consideradas preliminares os toques, as carícias e até mesmo o sexo oral, por exemplo. Mas qual a importância de tudo isso? Nesse vídeo, você pode encontrar alguns tipos de dicas de preliminares e como elas podem orientar a relação sexual.

Conclusão e 4ª dica para fazer a sua parceira atingir o orgasmo sem penetração

O principal ponto a ter em mente com esse artigo é que é obviamente possível (ou mesmo preferível) fazer uma mulher gozar sem utilizar o pênis!

Boa parte das mulheres adoram essas 3 técnicas, quando elas são bem feitas. 

Você vai deixá-la louca de desejo por você graças a esses 3 poderosos orgasmos. 

Mas agora é hora de descobrir uma quarta maneira de fazer a sua parceira atingir o orgasmo sem a penetração: utilizando estimuladores clitorianos!

Estimuladores clitorianos

Os estimuladores de clitóris (como os Satisfyers ou os Bullets) são bastante eficazes em provocar o orgasmo feminino. A sua parceira pode até mesmo orientar você na hora de usar ou de escolher o sex toy!

O estimulador clitoriano tem uma ponta aberta e oca, podendo envolver a glande do clitóris ou contornar o clitóris sem tocá-lo. Isso é o que o torna tão prazeroso. Assim, a ponta do aparelho deve ser posicionada ao redor do prepúcio do clitóris e próxima dos lábios, fechando esse espaço.

São as movimentações de ar e a pressão das ondas que estimulam todo o clitóris, sem entrar em contato com ele. As vibrações de ar são enviadas em rotações, de todos os ângulos, para o entorno da glande clitoriana.

O orgasmo é quase sempre garantido para a maioria das mulheres e vem de forma muito mais rápida: o período refratário (intervalo entre um orgasmo e outro) quase que desaparece e 70% das usuárias têm orgasmos múltiplos.

Aproveite!


Outras leituras

Consulte online um médico ou psicólogo especializado em sexualidade

A Omens é uma plataforma de saúde dedicada à saúde sexual e mental, que reúne médicos urologistas, terapeutas sexuais e farmacêuticos com o objetivo de construir soluções seguras, de qualidade e acessíveis a todos.

Por isso, a plataforma permite que você consulte online médicos especialistas em temas sobre sexualidade, além de psicólogos sexólogos. As consultas online podem ser feitas por mensagens, pelo celular ou por videochamada, por exemplo, além de apresentar muitas outras vantagens:

  • Consulte um médico ou psicólogo especializado na área, que trata diariamente de problemas relacionados ao sexo.
  • Pague menos da metade do valor de uma consulta presencial com um urologista.
  • Agende uma consulta para o mesmo dia! (no Brasil, aliás, muitos pacientes têm de esperar vários meses até conseguir agendar uma consulta presencial com um urologista)
  • Peça pela plataforma os medicamentos necessários para o seu tratamento e, então, eles serão entregues discretamente na sua casa por uma farmácia certificada
  • Além disso, evite o desconforto ou a vergonha na sala de espera de um consultório ou em farmácias

13 comentário(s) sobre “3 dicas de como fazer uma mulher atingir o orgasmo SEM PENETRAÇÃO

  1. Regis says:

    Durante a noite minha esposa dorme gemendo como se estivesse masturbando sem se tocar a varginao que e isso?

  2. EDILSON says:

    O que faço as vezes fico sem prazer por novinha eu vejo mas o pênis não colabora as vezes eu não janto não aumosso será que e esse o problema

  3. Rafael Gustavo Borges silva says:

    E quando a esposa não gosta de preliminares, eu gosto tem muito tempo q não faço desde q estou com ela. Ela disse q não gosta na 1ª vez que fizemos sexo ela disse q eu toco nela ela se enrijece parece que tem pavor ou aconteceu algo n passado, desde aí venho lutando pra conseguir fazer ela a chegar n orgasmo já fiz outras mulheres mas sempre com ajuda de preliminares, carinhos na vagina. Sem preliminar como fazer ela chegar no orgasmo? e sem falar q pra penetração também é trabalhoso.

    • Dr. João Brunhara says:

      Oi, Rafael. Não deixe de lado as preferências dela e a forma como ela recebe esses estímulos (que pode ser muito diferente para cada mulher).
      Pode ser que ela realmente não sinta tanto prazer dessa forma, ou também pode ser questão de estimular a região com mais delicadeza durante as “preliminares”, ou ainda um bloqueio psicológico da parte dela,…
      De toda forma, muitos fatores podem estar em jogo, resta compreender o que ela gosta ou não gosta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *