Sangue no esperma: causas e tratamentos

Um picolé derretendo, todo vermelho cor de sangue, representando o problema no esperma
BLOG OMENS / Sexualidade
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

10 de agosto 2021

Um sêmen de coloração marrom ou avermelhada pode indicar a presença de sangue no esperma: chamamos esse fenômeno de hemospermia.

Embora esse sintoma pareça assustador, muitas vezes não se trata de um problema grave.

O esperma é composto de espermatozoides vindos do epidídimo e de fluidos produzidos pelas vesículas seminais, próstata e outras glândulas mucosas pequenas. A presença de sangue no esperma pode, portanto, ser um sinal de uma lesão nessas diferentes estruturas.

Causas de sangue no sêmen

Na maioria das vezes, a presença de sangue no esperma acontece de forma inadvertida, assim, sem que os médicos consigam explicar de imediato a causa. Nesses casos, o problema desaparece espontaneamente, dentro de alguns dias ou meses.

  • A causa mais comum que se conhece é a biópsia da próstata. O sangramento pode permanecer por várias semanas após a intervenção. O mesmo pode acontecer também após uma vasectomia.

As causas conhecidas menos comuns incluem, por exemplo:

Em casos muito raros, a presença de sangue no esperma é o resultado de tumores nas vesículas seminais e nos testículos.

Na África, na Índia ou em certas regiões do Oriente Médio, um verme parasita (Schistosoma haematobium) provoca, com frequência, infecções urinárias e a presença de sangue na urina ou no sêmen.

Às vezes, o sangue pode estar presente no esperma em virtude da tuberculose.

Câncer de próstata [Omenscast #5]

No quinto episódio do Omenscast, o médico e urologista João Brunhara, especialista em sexualidade masculina, fará uma apresentação bem detalhada sobre o câncer de próstata, incluindo seus fatores de risco, formas de prevenção, sintomas e tratamentos. A transcrição do áudio você poderá encontrar aqui.

Sangue no esperma: diagnóstico

Geralmente, a presença de sangue no esperma não é grave e não exige qualquer exame específico. Ainda assim, você deve consultar um médico caso surja algum destes sintomas mais preocupantes:

  • um sangramento que acontece várias vezes (a menos que você tenha feito recentemente uma biópsia da próstata);
  • inchaço nos testículos;
  • viagem a uma das regiões onde vivem os vermes parasitas de que falamos anteriormente;
  • perda de peso, febre, sintomas urinários, dores nos testículos ou no abdome inferior/períneo, ou qualquer outro sintoma associado.

Quando o homem apresenta algum desses sinais de alerta, é importante consultar um médico.

Após os 35 anos de idade, mesmo que não haja nenhum sintoma em particular, é necessário consultar um médico.

O que o médico vai fazer?

Com uma série de perguntas, o profissional vai identificar eventuais sintomas e vai conhecer o histórico médico do paciente. Geralmente, a avaliação clínica e o conhecimento do histórico médico são suficientes para explicar a presença de sangue no esperma.

O médico poderá, por exemplo, fazer as seguintes perguntas:

  • Faz quanto tempo que você observou a presença de sangue no sêmen?
  • Fez uma biópsia da próstata recentemente?
  • Houve a presença de sangue na urina ou teve dificuldade para urinar, ou notou algum corrimento no pênis (sinais de uma infecção urinária)?
  • Foi diagnosticado com uma doença da próstata, como a hiperplasia prostática benigna?

O médico irá examinar, então, os órgão genitais em busca de qualquer vermelhidão, inchaço ou sensibilidade exagerada. Além disso, pode ser necessário realizar um exame de toque retal para excluir a possibilidade de próstata aumentada.

Doenças da próstata e efeitos na ereção [Vídeo]

As doenças da próstata têm uma relação (seja direta ou indireta) com a disfunção erétil e cada situação requer um tratamento diferente. Pode ser uma doença benigna ou um câncer de próstata, pode haver de uma forma ou de outra associações a problemas de ereção – e até mesmo problemas de ejaculação precoce, ejaculação retrógrada ou perda de libido. A relação pode se dar até por conta de medicamentos para hiperplasia da próstata.

Quais os exames e tratamentos?

Na maioria das vezes, principalmente em homens com menos de 35 anos de idade (ou em quem fez uma biópsia da próstata recentemente), a presença de sangue no esperma não é patológica e se resolve naturalmente.

Mesmo assim, pode ser necessário examinar a urina e o esperma para detectar qualquer infecção ou problema.

Mas, dependendo dos sintomas, da idade do paciente e do exame médico, outros exames podem ser realizados, especialmente se o médico suspeitar de câncer de próstata.

Quanto aos medicamentos, isso irá depender da causa, mas normalmente nenhum tratamento é necessário. Isso porque, nesses casos mais comuns, não encontramos nenhuma causa.

Inicie o tratamento da sua casa consultando um urologista online

Consultas por chat, vídeo ou celular com médicos especialistas em saúde sexual masculina (preço médio de R$ 69).

Tudo em um lugar só: prescrição de receita, encaminhamento para exames adicionais e entrega de medicamentos a domicílio.

Agendar Teleconsulta

e iniciar tratamento já!

Sangue no esperma: conclusão

Na maioria das vezes, não encontramos a causa da presença de sangue no sêmen. Portanto, um esperma marrom ou avermelhado não é um sinal de câncer ou disfunção sexual.

Deve-se realizar exames mais completos em homens com mais de 40 anos que tenham apresentado sintomas por mais de um mês.

Para os homens mais jovens, é necessária uma consulta em caso de sintomas incomuns:

  • um sangramento que persiste por mais de um mês (a menos que você tenha feito recentemente uma biópsia da próstata);
  • inchaço nos testículos;
  • perda de peso, febre, sintomas urinários, dores no saco escrotal ou no abdome inferior/períneo, ou sintomas associados;
  • ou visita a uma das regiões de que falamos no início do artigo.

Fontes

Consulte um médico especializado em sexualidade na Omens

A Omens é uma plataforma de saúde dedicada ao homem. Ela reúne médicos urologistas e farmacêuticos com o objetivo de construir soluções seguras, de qualidade e acessíveis a todos.

A plataforma permite que você consulte online médicos especialistas em temas sobre sexualidade. A consulta online pode ser feita por mensagens, pelo celular ou por videochamada, além de apresentar muitas outras vantagens:

  • Consulte um médico especializado na área, que trata diariamente de problemas relacionados ao sexo
  • Pague menos da metade do valor de uma consulta presencial com um urologista
  • Agende uma consulta para o dia seguinte! (no Brasil, muitos pacientes têm de esperar vários meses até conseguir agendar uma consulta presencial sobre problemas sexuais com um urologista)
  • Peça pela plataforma os medicamentos necessários para o seu tratamento e eles serão entregues discretamente na sua casa por uma farmácia certificada
  • Evite o desconforto ou a vergonha na sala de espera de um consultório ou em farmácias

7 comentário(s) sobre “Sangue no esperma: causas e tratamentos

  1. Abner Franco says:

    Olá Dr, boa noite. Estou com esse problema de sangue no sêmen já de uns tempos, fui ao especialista aqui da minha cidade e ele pediu vários exames de sangue e de urina, pediu US da prostata, abdômen e da bolsa escrotal, porém segundo ele não deu nada. no diagnóstico das US da bolsa escrotal, deu hidrocele e trombose parcial do plexo pampiniforme. Então ele disse que era só um cisto e passou um remédio por nome Das…. mas continuo com o mesmo problema. Devo tomar outro medicamento? Se sim, qual? Agradeço a atenção!

    • Dr. João Brunhara says:

      Olá, Abner. Você precisa de uma avaliação médica para entender a causa e o tratamento do seu problema, a hematospermia. A trombose do plexo pampiniforme pode ser corrigida com cirurgia. A hidrocele também, mas dificilmente ela tem relação com o sangue no esperma. Já a trombose que você mencionou poderia sim ser um dos fatores. Quanto a medicamentos, não existem outros para iniciar para já pelo que você relata, mas ressalto que você precisaria de uma consulta médica.

    • Dr. João Brunhara says:

      Você tem disponibilidade para se consultar online, Wilson? Porque, se sim, basta acessar o site da Omens e clicar em CONSULTAR. Então, você vai responder um questionário rápido e confidencial para o urologista ficar a par da sua dificuldade, aí você já pode agendar a teleconsulta: para a data que você quiser e da forma que você preferir (por telefone, vídeo, mensagens). As consultas custam a partir de R$ 69.

  2. Domingos silva says:

    Que tipo de medicamentos para tratar esperma marron faz algumas dor na costa
    Por favo mi indica un medicamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *