Você conhece a paralisia do sono? Sabe por que ela acontece?

gato paralisado mas totalmente desperto com os olhos arregalados
BLOG OMENS / Sono
logo da Omens
Escrito por

Ranieri Soares

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

11 de abril 2022

Do nada você acorda, mas não consegue se mexer: pode ser uma experiência assustadora caso você não saiba o que está acontecendo com seu corpo ou não conheça o que é a paralisia do sono.

Às vezes, a pessoa pode sentir que algo está pressionando o peito ou que ela está afundando no colchão. É possível até que veja alguma outra figura estranha à espreita no quarto. Essa situação nos faz perguntar se estamos realmente acordados ou se ainda estamos sonhando. Por que não consigo me mexer? Essas visões são reais mesmo?

No entanto, há uma explicação médica para isso. Portanto, vale aprender o que de fato está acontecendo com você e seu corpo durante esse episódio para ajudar a acalmar sua ansiedade se isso voltar a se repetir. É provável que agora, neste exato momento em que você ler esse texto, você tenha se lembrado de algum episódio como este que tenha ocorrido com você ou algum familiar, ou amigo.

Enfim, nós da Omens vamos falar sobre esse fenômeno: mas o que é paralisia do sono? Quais são os seus sintomas? E por que a temos? Ficou curioso? Leia este artigo até o final e entenda.

O que é a paralisia do sono?

Paralisia do sono significa a sensação de estar consciente, mas incapaz de se mover. Algumas pessoas inclusive podem ter alucinações. Essas visões podem parecer bastante reais, porque atravessam a fronteira entre a vigília e o sono dos sonhos.

A paralisia do sono é uma parte normal do sono REM, considerado por especialistas como o último estágio do ciclo do sono. Assim, é a etapa do sono onde ocorrem os sonhos mais vívidos. Nesta fase, os olhos se movem aceleradamente, em consequência da ação do tálamo. E a atividade cerebral é similar ao estado de acordado. No entanto, somente é considerada paralisia do sono quando acontece fora do sono REM.

Pode ocorrer em pessoas saudáveis, bem como naquelas que apresentam sintomas de narcolepsia (necessidade avassaladora de dormir causada por um problema com a capacidade do cérebro de regular o sono), cataplexia e alucinações hipnagógicas. Quando ocorre sem narcolepsia, é classificada como Paralisia do Sono Isolada (saiba mais sobre os outros tipos no guia da Omens sobre síndrome do sono).

Se uma pessoa tem consciência quando o corpo entra ou sai do sono REM, pode experimentar paralisia do sono. Pode ser acompanhada de alucinações bastante vívidas, que a maioria dos indivíduos atribui a serem partes de sonhos.

Mas por que acontece isso? A paralisia do sono pode ocorrer em pessoas que dormem normalmente e é surpreendentemente comum sua ocorrência e universalidade. Também tem sido associada a certas condições, como aumento do estresse, consumo excessivo de álcool, privação de sono e narcolepsia, por exemplo.

Prevenção: como posso prevenir futuros episódios de paralisia do sono?

Não há muito o que se possa fazer para evitar que a paralisia do sono aconteça, mas há passos que podem ser tomados para diminuir o risco.

Uma das melhores maneiras de evitar o problema é melhorar a qualidade do seu sono. Mesmo porque descansar é um estágio muito importante na preparação de ir para a cama e dormir.

Há muitas formas de relaxar, por exemplo:

  • tomando banho, lendo ou ouvindo música suave;
  • tendo um horário de sono definido com horários específicos para ir para a cama e acordar;
  • criando um ambiente de sono confortável, escuro e silencioso;
  • fazendo exercícios de relaxamento, como alongamentos leves de ioga, que ajudam a relaxar os músculos (não se exercite vigorosamente, pois terá o efeito oposto);
  • evitando usar smartphones, tablets, computadores ou outros dispositivos eletrônicos por uma hora ou mais antes de ir para a cama, já que a luz da tela desses dispositivos pode ter um efeito negativo no sono.

Sintomas

Os sintomas de paralisia do sono são frequentemente diagnosticados pela própria pessoa. Os episódios envolvem a incapacidade de falar ou de se mover ao pegar no sono ou acordar

Sons, sensações e outros estímulos não ameaçadores do cotidiano, que o cérebro normalmente ignora, tornam-se desproporcionalmente significativos. Geralmente, isso dura de um a dois minutos, sendo uma experiência assustadora.

O que acontece durante a paralisia do sono?

Durante a paralisia do sono você pode sentir:

  • que está acordado, mas não pode se mover, falar ou abrir os olhos; 
  • como se alguém estivesse no seu quarto;
  • uma pressão ou sensação de asfixia (como se algo estivesse te afundando em seu colchão);
  • sentir como se a morte estivesse se aproximando;
  • dores de cabeça, dores musculares e paranoia;
  • sudorese;
  • medo.

Além disso, essas sensações podem durar alguns minutos. Porém, apesar de ser assustador, geralmente é inofensivo e a maioria das pessoas só terá isso uma ou duas vezes na vida. 

Quando a paralisia do sono geralmente ocorre?

Como disse, normalmente, os sintomas de paralisia do sono ocorrem no máximo duas vezes na vida. Se ocorrer enquanto você está adormecendo, é chamado paralisia do sono hipnagógica ou pré-dormital. Se isso acontece quando você está acordando, é chamado paralisia do sono hipnopômpica ou pós-dormital.

Não está claro porque a paralisia do sono pode acontecer.

Assim, os médicos e terapeutas confirmam ou descartam o problema após uma avaliação. Eles podem perguntar sobre, por exemplo:

É um sintoma de um problema sério?

  • qual a frequência com que você sofre da síndrome, qual é a sensação e quando começou;
  • sono, como quantas horas você dorme à noite e se você sente cansaço durante o dia;
  • histórico médico (incluindo medicamentos que você possa estar tomando, se você fuma ou usa álcool, ou drogas ilegais);
  • insônia;
  • padrões de sono interrompidos;
  • narcolepsia;
  • distúrbios de saúde mental, que podem incluir transtorno de ansiedade generalizada (TAG), estresse pós-traumático ou depressão Síndrome do Pânico;
  • por fim, uma história familiar de paralisia do sono;

Pesquisas científicas concluíram, na maioria dos casos, por que acontece a paralisia do sono; segundo elas:

é simplesmente um sinal de que nosso corpo não está se movendo suavemente pelos estágios do sono.

É classificada como uma condição benigna e normalmente não acontece com frequência suficiente para causar problemas de saúde significativos. Portanto, raramente está ligada a problemas psiquiátricos subjacentes profundos.

No entanto, cerca de 10% das pessoas têm episódios mais frequentes ou incômodos que tornam a paralisia do sono particularmente angustiante. Como resultado, eles podem desenvolver pensamentos negativos sobre ir para a cama dormir, ou reduzindo o tempo dedicado ao sono, ou provocando ansiedade na hora de dormir – o que dificulta o sono.

A privação do sono pode levar à sonolência excessiva e inúmeras outras consequências para a saúde geral de uma pessoa.

Como a narcolepsia é caracterizada por vigília instável e sono instável, as pessoas com narcolepsia têm despertares noturnos frequentes que podem estar associados à paralisia do sono.

Afinal, por que temos paralisia do sono?

A paralisia do sono tende a acontecer quando nosso horário de sono é perturbado ou quando estamos privados de dormir. Se o cérebro reiteradamente não tiver sono REM suficiente, será privado desse importante processo de sono. As preocupações diárias, incluídas as da área da saúde sexual e mental interferem em nosso sono.

Sendo assim, cabe a você saber a hora exata de procurar um médico ou psicólogo.

Mesmo um episódio de paralisia do sono pode causar ansiedade na hora de dormir. Se isso te incomoda, discuta suas preocupações com um profissional da saúde especializado. Você pode também considerar procurar atendimento online caso se sinta excessivamente sonolento durante o dia.

Seu médico pode recomendar testes se suspeitar de um distúrbio do sono. Você pode precisar:

  1. Estudo do sono durante a noite (polissonografia): o teste monitora sua respiração, batimentos cardíacos e atividade cerebral durante o sono, a fim de observar um episódio de paralisia ou detectar problemas como a apneia.
  2. Teste de latência múltipla do sono (MSLT): este teste mede a rapidez com que você adormece e que tipo de sono você experimenta durante uma soneca; assim, o teste ajuda a descobrir problemas como narcolepsia (sonolência diurna incomum), sendo a causa mais comum de paralisia do sono.

Tratamento: como posso parar a paralisia do sono?

Não há terapias comprovadas que possam interromper um episódio de paralisia do sono, mas a maioria das pessoas que a experimenta relatam rotineiramente que se concentrar em fazer pequenos movimentos corporais (como mover um dedo e depois outro) as ajudam a se recuperar mais rapidamente. Mas seu médico pode recomendar tratamentos que diminuam o risco de episódios futuros.

O tratamento da paralisia do sono geralmente se limita à educação sobre as fases do sono e a atonia que, em geral, ocorre enquanto as pessoas dormem. Se os episódios persistirem, o especialista em sono pode avaliar uma possível narcolepsia, que está comumente presente em pessoas que sofrem de paralisia.

Você também pode ajudar a melhorar seu sono, ao evitar o uso de álcool excessivo e drogas recreativas.


Dormir bem é incrivelmente importante. É parte essencial na nossa qualidade de vida.

O que significa paralisia do sono? Representa uma ruptura na nossa saúde mental – e pode ser o gatilho para outras doenças mais graves.

Dormir bem nos ajuda a nos sentirmos bem e faz com que nosso corpo e cérebro funcionem adequadamente. Algumas pessoas não têm nenhum problema em adormecer. No entanto, muitos outros têm dificuldade severa em pegar no sono e permanecer dormindo durante a noite.

O sono ruim pode ter efeitos negativos em muitas partes do corpo e do cérebro, incluindo aprendizado, memória, humor, sexual, emoções e várias funções.

Vale ressaltar: se você tem sentido algum destes sintomas ou acredita que possa estar passando por isso, é importante marcar uma consulta com um médico especializado. E o atendimento online pode te ajudar!

Referências

2 comentário(s) sobre “Você conhece a paralisia do sono? Sabe por que ela acontece?

  1. Julianne ketllyn says:

    Eu tenho muito isso mais quando eu dormo atarde, eu n posso dorme tarde q ja vem esse pesadelo agente n se meche n consegue fala, e umas coisas estranhas acontece … Isso e muito ruim…

  2. Sabrina suane says:

    Ajudou bastante ler isso vou praticar algumas coisas que informaram ai pra ver se dar certo nas ultimas noites tive bastante paralisia do sono e touficando muito mal mas vou tentar
    Os meus sonhos sempre começam coisas lindas e acabam no pesadelo e tbm continuação de sonhos terríveis que eu já tive, ta sendo muito ruim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *