Para que serve a Finasterida e qual a dosagem correta?

homem sentado à mesa contente com uma possível calvície controlada pela finasterida
BLOG OMENS / Perda de cabelo
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

4 de outubro 2021

A Finasterida é um medicamento oral disponível para venda em drogarias e farmácias de manipulação. Então, vale lembrar que não existe outra versão do tratamento que não seja no formato de pastilhas (não é possível encontrar finasterida em loção ou spray).

Neste artigo, falaremos sobre esse remédio que é usado para tratar a próstata aumentada (hiperplasia benigna da próstata) e a perda de cabelo em indivíduos do sexo masculino. Mas aqui vamos nos concentrar na finasterida com indicação para casos de calvície.

Afinal, o que é a finasterida?

Finasterida é um remédio oral, que vem no formato de pastilhas e está disponível apenas sob prescrição médica.

A substância funciona diminuindo a quantidade do hormônio diidrotestosterona (DHT) no seu corpo. A DHT normalmente faz com que a próstata aumente mais o próprio tamanho, assim a redução do hormônio ajuda a evitar a condição da próstata aumentada (HPB). Além disso, a finasterida propicia o aumento no crescimento de cabelo e combate a queda de fios da cabeça (focaremos neste uso aqui no blog).

O medicamento não afeta de forma nenhuma o crescimento de pelos em outras partes do corpo.

Finasterida: para que serve?

A finasterida é usada no tratamento da perda de cabelo masculina, o que chamamos de “calvície“: quando os fios ficam aos poucos mais finos ou há um recuo da linha do cabelo e/ou os fios param de crescer no topo da cabeça.

Por outro lado, a finasterida não demonstrou tratar a queda de cabelo nas têmporas (as “entradas”) e não é usada para a calvície em mulheres ou crianças.

O remédio faz parte de uma classe de medicamentos chamada inibidores de 5-alfarredutase. Portanto, a substância bloqueia a produção no corpo de um hormônio masculino que impediria o crescimento de cabelo (e que também provocaria o aumento da próstata).

Além disso, a finasterida (Proscar) é usada para tratar a hiperplasia prostática benigna (HPB, a próstata aumentada). Nesse caso, pode-se administrar a substância sozinha ou em combinação com outro medicamento (doxazosina, por exemplo).

Vamos falar um pouco das dosagens e como administrar a finasterida no tratamento da calvície:

Finasterida 1 mg

Normalmente os médicos prescrevem a finasterida na dosagem de 1 mg para ajudar no crescimento do cabelo em casos de calvície masculina.

Podem levar 3 meses para o paciente perceber o efeito máximo do medicamento.

Como tomar finasterida 1 mg

A finasterida sempre vem em forma de comprimido, que deve ser ingerido oralmente.

Geralmente se recomenda tomar o remédio (1 mg) uma vez por dia, seja junto da refeição ou em jejum. Além disso, deve-se tomar a pastilha aproximadamente no mesmo horário todos os dias.

Mas, independentemente disso, siga cuidadosamente as instruções que estão na prescrição e peça para o seu médico explicar qualquer parte que você não tiver entendido. Administre o remédio exatamente como manda a indicação: não tome mais ou menos comprimidos ou aumente a frequência receitada pelo médico.

Se você estiver tomando finasterida para tratar a calvície masculina, pode levar pelo menos 3 meses antes que você perceba alguma melhora, pois a queda de cabelo e o crescimento acontecem lentamente ao longo do tempo.

Ainda assim, espera-se que você veja uma melhora nos primeiros 12 meses de tratamento. Se você tomou o medicamento por 12 meses e não notou nenhuma mudança, insistir no tratamento provavelmente não vai ajudar. Converse com seu médico sobre se você deve continuar ou não tomando o remédio.

A finasterida 1 mg só vai retardar a queda de cabelo enquanto você estiver tomando a medicação. Continue a tomar o medicamento mesmo que você já tenha notado qualquer melhora e não pare com o remédio sem antes falar com seu médico.

Caso interrompa o tratamento, você provavelmente vai perder qualquer cabelo que tenha crescido enquanto estava tomando finasterida nos primeiros 12 meses…

Finasterida 1 mg: qual a média de preço?

Os preços da finasterida usada no tratamento da calvície ainda variam muito entre fabricantes e drogarias.

No entanto, uma pesquisa realizada entre as farmácias parceiras da Omens sugeriu que, em média, uma caixa de 30 comprimidos de finasterida 1 mg custa de 40 a 45 reais.

Existe “finasterida em loção”?

Não. Não é possível fabricar loções, cremes ou xampus com finasterida, pois estamos falando de um medicamento que age em um hormônio masculino.

Por outro lado, há no mercado tratamentos tópicos, como o minoxidil.

Finasterida 5 mg

A finasterida nessa dosagem (5 mg) serve apenas para o tratamento da próstata aumentada – jamais para a queda capilar.

Se você estiver tomando o medicamento para tratar a HPB, você deve saber que a substância pode controlar a sua condição, mas não vai curá-la. Podem levar pelo menos 6 meses até que seus sintomas melhorem.

Continue a tomar finasterida 5 mg mesmo que você se sinta bem e não interrompa o uso sem falar com seu médico.

Efeitos colaterais da finasterida (1 mg) para calvície

A finasterida não causa sonolência, mas pode provocar outros efeitos colaterais.

Efeitos colaterais mais comuns

Os efeitos colaterais comuns que podem ocorrer com o finasterida são, por exemplo:

  • queda no desejo sexual
  • problemas para conseguir ou manter uma ereção
  • problema de ejaculação
  • crescimento dos seios ou maior sensibilidade
  • erupção cutânea

Se esses efeitos forem leves, eles podem desaparecer dentro de alguns dias ou algumas semanas. Se eles forem mais graves ou não desaparecerem, converse com seu médico.

Efeitos colaterais raros e graves

Chame seu médico imediatamente se você tiver efeitos colaterais graves. Ligue para o SAMU se seus sintomas ameaçam a sua vida ou se você acha que precisa de atendimento médico de emergência.

Os efeitos colaterais graves e seus sintomas podem incluir:

  • inchaço dos lábios, língua, garganta ou rosto
  • depressão
  • nódulos ou dor nos seios
  • secreção nos mamilos

Aviso: nosso objetivo é fornecer a você as informações mais relevantes e atuais sobre saúde. No entanto, como os medicamentos afetam cada pessoa de forma diferente, não podemos garantir que essas informações incluam todos os efeitos colaterais possíveis. Este artigo, portanto, não substitui o acompanhamento médico. Sempre discuta os possíveis efeitos colaterais com um profissional da saúde especializado que conheça seu histórico médico.

Considerações finais

  • Aviso de contato com grávidas: as mulheres que estão grávidas ou planejam engravidar não devem manusear comprimidos de finasterida esmagados ou quebrados. O contato com o remédio por essas pessoas, mesmo através da pele, pode levar a defeitos no desenvolvimento dos fetos do sexo masculino.
  • Alerta para o câncer de próstata: esse medicamento pertence a uma classe de medicamentos que poderia aumentar seu risco de desenvolver uma forma irregular ou de fazer avançar um câncer de próstata. Finasterida pode causar uma diminuição no nível de seu antígeno prostático específico (PSA). Um aumento no nível desse antígeno tem sido associado ao câncer: então, se seus níveis de PSA aumentarem com esse medicamento, pode ser um sinal de câncer de próstata.

Fontes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *