Freio peniano: definição e problemas

Uma banana parcialmente descascada, ilustrando o rompimento do freio peniano
BLOG OMENS / Ereção
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

25 de julho 2021

Muitos até então não sabem o que é, de fato, o freio peniano. Além disso, o seu rompimento ainda parece algo chocante para alguns, talvez por às vezes acompanhar um sangramento. Mas, geralmente, o medo é maior que o “prejuízo”.

A realidade, no entanto, é que o rompimento do freio é bastante comum na sexualidade masculina, especialmente entre os homens jovens no início de sua vida sexual.

Afinal, o que é o freio peniano? O seu rompimento traz complicações? Quais as soluções? O que fazer para evitar problemas?

O que é o freio peniano?

O freio é uma prega pequena que conecta o prepúcio à glande, permitindo que a pele volte à sua posição original quando a ereção termina.

Esse é o caso dos homens não circuncidados. O prepúcio desliza ao longo do pênis no momento da ereção, fazendo aparecer a glande. Em seguida, ele volta ao lugar quando o pênis fica flácido.

É por isso que, para os homens circuncidados, não se coloca a questão do rompimento do freio peniano. Isso porque o prepúcio foi removido por motivos religiosos ou higiênicos.

O que é um rompimento do freio?

Agora que você sabe onde fica o freio peniano e qual a sua função, vamos discutir outro assunto que preocupa muitos homens: o rompimento do freio.

O rompimento do freio peniano é seguido por uma dor bastante aguda e um sangramento no pênis. Geralmente, isso ocorre em homens jovens no início de sua vida sexual. Isso pode ocorrer ou durante uma relação sexual, ou (menos frequentemente) durante a masturbação.

O movimento de trazer a pele do pênis para trás quando ele já está ereto e com o prepúcio puxado (pela fricção repetida ou por movimentos manuais muito fortes) pode fazer o freio ceder.

Aliás, essa situação provoca um sangramento leve.

Acontece de os homens jovens, durante suas primeiras relações sexuais, experimentarem desconforto, até mesmo dor e sangramento.

Embora o rompimento do freio possa causar pânico e preocupação aos homens, ele não é muito grave e só parece assustador.

Os sangramentos geralmente param em pouco tempo, quando a ereção acaba e a região machucada recebe pressão.

Quando procurar um urologista especializado em sexualidade? [Vídeo]

Está em dúvida se está passando por algum tipo de problema sexual? Alguma disfunção sexual, como talvez a disfunção erétil, a ejaculação precoce ou a perda de libido? Não sabe se já é hora de se consultar com um urologista?

Nesse primeiro vídeo, nosso médico Dr. João Brunhara tira algumas dúvidas sobre quando se consultar com urologistas especializados em sexualidade. Algumas das dúvidas mais frequentes são abordadas, como em que casos se consultar com um médico especialista e se há algum tipo de limite de idade.

Relações entre a anatomia do membro e o freio peniano

Certas características anatômicas podem favorecer o rompimento do freio: principalmente se o freio for muito curto, o pênis ereto pode tensioná-lo e enfraquecê-lo.

Em alguns casos, em que o freio é extremamente curto, a glande fica dobrada para baixo no momento da ereção.

Isso causa desconforto e uma sensação desagradável na relação sexual ou na masturbação. Se esse incômodo estiver presente durante a ereção, é importante consultar um médico urologista.

Existem exercícios vendidos na internet como métodos que prometem alongar o freio peniano, mas sua eficácia não é comprovada por artigos científicos. Além da possibilidade de serem ineficazes, esses métodos podem levar a lesões e machucados se realizados de maneira equivocada.

Sendo assim, se você tem sintomas de freio curto (como dor ou sangramento), recomendamos que visite um urologista para fazer uma avaliação. Dependendo do seu caso, pode ser indicada a cirurgia do freio (frenuloplastia) ou mesmo uma circuncisão (postectomia).

O que fazer em caso de rompimento do freio?

Se ocorrer sangramento no momento da relação sexual ou da masturbação, é essencial aplicar pressão à região (da glande) com uma toalha de papel ou um tecido macio.

Quando o sangramento tiver parado, é importante desinfetar a área com água e sabão. Se possível, utilize um produto leve, sem álcool (como o povidine/betadine).

Uma pomada cicatrizante pode ser aplicada nos dias seguintes.

Por fim, é importante que a(o) parceira(o) leve segurança e calma à pessoa em caso de um ataque de pânico ou ansiedade.

O atendimento online e personalizado de um urologista pode te ajudar!

Consultas a distância (por celular, chat online ou vídeo) com médicos especialistas em saúde sexual masculina: a partir de R$ 69.

Prescrição médica e entrega a domicílio de medicamentos e tratamentos manipulados.

Agendar Teleconsulta

e receber orientação médica!

Complicações com o freio peniano: o que fazer?

Havendo qualquer dúvida quanto à cicatrização do freio peniano, é importante consultar um urologista. É até mesmo recomendável fazer isso para deixar o homem mais tranquilo. O especialista poderá verificar se a cicatrização está progredindo bem.

Às vezes, a cicatriz é um pouco fibrosa, o que aumenta a tensão durante a ereção. O cirurgião, nesse caso, pode realizar uma plástica de freio (frenuloplastia), com uma pequena incisão sob anestesia local ou geral e depois uma sutura com fio absorvível.

Nas duas semanas seguintes, é importante ter uma boa higiene e não ter relações sexuais.

Freio peniano: conclusões

Romper o freio peniano é um acidente comum entre homens jovens no início de sua vida sexual.

Alguns sinais podem ser interpretados como avisos, por exemplo: dores ou sangramentos durante o sexo, freio muito curto que incomoda a ereção…

Nesse tipo de caso, é recomendável já sair à procura de uma consulta médica.

Em resumo, esse acidente geralmente não traz complicações nem nenhum outro mal. Se o profissional considerar a cirurgia (seja preventiva, seja reparadora), saiba que a operação é simples e não apresenta riscos.

Fontes

Consulte um médico especializado em sexualidade na Omens

A Omens é uma plataforma de saúde dedicada ao homem. Ela reúne médicos urologistas e farmacêuticos com o objetivo de construir soluções seguras, de qualidade e acessíveis a todos.

A plataforma permite que você consulte online médicos especialistas em temas sobre sexualidade. A consulta online pode ser feita por mensagens, pelo celular ou por videochamada, além de apresentar muitas outras vantagens:

  • Consulte um médico especializado na área, que trata diariamente de problemas relacionados ao sexo
  • Pague menos da metade do valor de uma consulta presencial com um urologista
  • Agende uma consulta para o dia seguinte! (no Brasil, muitos pacientes têm de esperar vários meses até conseguir agendar uma consulta presencial sobre problemas sexuais com um urologista)
  • Peça pela plataforma os medicamentos necessários para o seu tratamento e eles serão entregues discretamente na sua casa por uma farmácia certificada
  • Evite o desconforto ou a vergonha na sala de espera de um consultório ou em farmácias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *