4 dicas de como fazer sexo no chuveiro

BLOG OMENS / Sexualidade
Escrito por

Caio Vega

Revisado por

Dr. João Brunhara

CRMSP 161.642
Última atualização

27 de março 2021

Faça frio, faça calor, de manhã ou à noite, pode ser muito bom fazer sexo no chuveiro: água, sabão, carícias, beijos… Mas, se transar debaixo do chuveiro pode ser excitante, ao mesmo tempo também pode ser perigoso sem certas precauções. Isso porque o ambiente é escorregadio e pode ter um espaço limitado!

Então, a Omens vai apresentar a você 4 dicas para você ter prazer debaixo d’água (e sem escorregar)!

1ª DICA de como fazer sexo no chuveiro: comece com toques e massagens

Geralmente basta observar o/a parceiro/a no chuveiro, estar perto dele/a, para incitar desejo e deixar a pessoa excitada.

Se você já estiver com um alto nível de excitação e sentir que ele/a está na mesma que você, talvez vocês possam considerar pular essa etapa das carícias e massagens. Mas também pode ser bastante estimulante ir aumentando a excitação lentamente, com os dois ensaboados e debaixo d’água.

Você pode começar acariciando o corpo dele/a, os cabelos, deixar suas mãos passearem… Levem o tempo que for preciso. Aproveite todas as áreas molhadas do corpo e não vá direto para a região genital. Existem muitas outras zonas erógenas: lembre-se disso!

Vocês podem continuar se beijando e se tocando e, quando sentir que ele/a está excitado/a o suficiente, vá um pouco mais longe em seus toques… Comece, então, a massagear e acariciar as zonas erógenas “secundárias”: nádegas, quadris, coxas

Pequena sugestão: vocês também podem usar óleos essenciais ou géis de banho afrodisíacos! Se você já estiver confortável com o/a parceiro/a, há também os brinquedos sexuais à prova d’água.

2ª DICA: escolha uma posição agradável para os dois

Lembre-se que normalmente o piso do box é escorregadio, portanto não tente nenhuma acrobacia muito exagerada ou isso tudo pode terminar mal antes mesmo de ter começado!

O segredo é ter espaço suficiente para os movimentos dos dois.

Outro detalhe: sexo não significa necessariamente penetração – ainda mais se o seu banheiro for muito pequeno!

Fazer sexo oral (nele ou nela) pode ser ainda mais excitante debaixo do chuveiro! E, depois, não há nada que impeça vocês de prosseguir com a relação em outro espaço.

Quanto às posições possíveis, tudo depende do seu espaço e do quão confortáveis vocês estão: se possível, não hesitem em sentar no chão, por exemplo.

O mais clássico é ambos de pé, com um dos dois de costas e podendo erguer as nádegas em direção ao outro. Se, por outro lado, vocês queiram ousar um pouco mais (e se sentir que conseguem), também há a opção do homem segurar o/a parceiro/a colocando-a contra a parede do box. Mas tome muito cuidado!

3ª DICA: esqueça o que você vê nos filmes!

Vocês têm de encontrar a própria maneira de se divertirem.

Fazer sexo no chuveiro (sobretudo com penetração) não é tão simples quanto parece! Você tem que ter cuidado para não escorregar, para não deixar cair sabão nos olhos… Ou até para não sentir frio.

Transar durante o banho pode ser uma fantasia para muitos, mas é preciso tomar cuidado para não provocar catástrofes! O melhor é ir com calma no início e ir se sentindo confortável.

Há também a falta de posição possível que pode deixar o momento desconfortável, meio desajeitado… 

Para que o sexo seja excitante e permaneça sendo uma boa fantasia, não pressionem a si mesmos! Se acariciar, se tocar e se beijar debaixo d’água já é extremamente prazeroso!

4ª DICA: comecem no chuveiro e terminem em outro lugar!

Esse ponto complementa o anterior: se as coisas estiverem difíceis, não pense que tudo deu errado ou fique frustrado, continue a relação em outro lugar!

Se a excitação estiver forte, será até divertido trocar de cômodo (ou mesmo continuar trocando de espaços!), enquanto se beijam e se acariciam.

Mas aqui novamente: cuidado com escadas ou locais escorregadios.

Por fim, nossa dica extra…

Se você já planeja realizar esse momento, aguarde o/a companheiro/a já seminu(a) ou completamente nu(a) para quando chegar a hora!

Por exemplo, se você tiver uma banheira, espere por ele/a lá… Se você não tiver uma banheira, não tem problema: espere o/a parceiro/a chegar em casa, ligue o chuveiro e tire a roupa dele/a antes de entrarem debaixo d’água!

Esse momento também pode ser um pretexto para colocar em prática diferentes cenários ou fantasias.

Bom banho a vocês!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *